Ao menos oito serão indiciados por incidente no Sambódromo de Santana, diz delegado

Ao menos oito pessoas envolvidas no incidente ocorrido na apuração do resultado do carnaval de São Paulo devem ser indiciadas, de acordo com o delegado Mauro Marcelo de Lima e Silva, da Divisão de Portos, Aeroportos e Proteção ao Turista. Dois estão detidos – Tiago Ciro Tadeu Faria, ligado à Império de Casa Verde, e Cauê Santos Ferreira, identificado como integrante da Gaviões da Fiel.

Mais dois integrantes de outras escolas de samba já foram identificados e quatro estão sob investigação – a Polícia Civil já tem imagens da atuação deles na destruição da mesa de apuração e de troféus, segundo o delegado.

“Acredito que em duas semanas o inquérito e a investigação de todos os envolvidos tenha terminado”, afirma Lima e Silva. “Temos fotos, imagens que dão toda a dinâmica do evento. Imagens antes de começar o evento mostram muito claro que houve um consenso de escolas diferentes para provocar aquele incidente.”

O delegado evitou citar o nome de outras escolas estariam envolvidas, mas confirmou que Faria estava sentado à mesa da Império de Casa Verde com credencial, junto aos diretores, e com autorização da escola para local de acesso restrito. Os dois detidos pela confusão fizeram exame de corpo de delito e foram encaminhados para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pinheiros, na Zona Oeste de São Paulo.

Fonte: G1




Deixe seu comentário