Chuva forte causa apagão em Santana e em vários bairros de SP

A chuva forte da tarde desta segunda-feira (21) deixou pelo menos sete bairros da capital paulista sem energia elétrica. Durante a madrugada desta terça-feira (22), mais de 12 horas depois do temporal, ainda havia muita gente no escuro.

Um clarão no meio dos prédios e depois escuridão total. A cena foi flagrada por volta das 19h30 desta segunda na região de Moema, Zona Sul de São Paulo. No bairro, havia um transformador queimado na Avenida Indianópolis. Na maioria das ruas da região, a única luz era a dos carros.

Nas ruas de Moema, uma escuridão só durante a madrugada. Era preciso ter cuidado nos cruzamentos porque os semáforos não estavam funcionando. Às 3h, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrava problemas em 96 semáforos da capital paulista. Do total, 61 estavam desligados e 35 no amarelo piscante.

O taxista Carlos Alberto Vilares precisou redobrar a atenção ao volante. “Se você não tomar cuidado, já viu. A coisa pode ficar complicada para quem dirige à noite”, afirmou. E, depois de enfrentar a escuridão nas ruas, foi obrigado a subir seis andares de escada para chegar em casa.

Os moradores contam que a luz foi embora às 14h30. O administrador Ricardo Ferreti estava desde então tentando falar com a Eletropaulo para pedir uma informação. Mas só ouviu a secretária eletrônica do atendimento. “O dia inteiro, e ninguém obtém resposta. O pessoal daqui da rua também está todo mundo ligando e eles não atendem”, contou.

Na região do Cambuci também ficou tudo apagado. Na Vila Mariana a vela foi a saída para não ter que fechar mais cedo os tradicionais bares. Mesmo assim, vai ser difícil recuperar o prejuízo. “O pessoal não vem. Passa, vê sem luz, e não fica. Vai embora”, afirma o comerciante Manuel Luiz.

A Eletropaulo informou, em nota, que a rede foi afetada pela forte chuva que atingiu São Paulo nesta segunda-feira. Por volta das 14h, foram registrados ventos que ultrapassaram os 100 km/h. A companhia diz que sete bairros foram os mais atingidos: Vila Mariana e Socorro, na Zona Sul; Mooca e Tatuapé, na Zona Leste; Vila Maria, Tremembé e Santana, na Zona Norte. Moradores de Diadema, no ABC, também ficaram sem luz. A Eletropaulo disse ainda que 750 técnicos foram às ruas para consertar a rede.

A Eletropaulo disse que a demora para consertar a rede foi por causa da quantidade de árvores que caíram. Os técnicos têm que esperar os bombeiros retirar os galhos, e só depois começar o trabalho para restabelecer a energia. No início da manhã desta terça-feira, a companhia disse que a energia já tinha voltado em 85% das regiões afetadas. Mas não informou o número de bairros que isso representa. Nem quantos ainda estão sem energia.

Fonte: G1




Deixe seu comentário